No dia 11 de maio de 2020, a Associação Sociedade Brasileira de Instrução mantenedora da Universidade Candido Mendes entrou com pedido de Recuperação Judicial no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro tendo sido deferido em 18 de maio pela juíza da 5ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro, Maria da Penha Nobre Mauro.

Na decisão, a juíza destacou a história da Candido Mendes, fundada em 1902. “Trata-se de entidade de inconteste relevância social, por sua dedicação ao ensino e à educação, formadora de cidadãos, veículo de transformações sociais, que, dentro de seu escopo institucional, atua com responsabilidade social, através da concessão de bolsas de estudo, cursos gratuitos, etc., em autêntico exercício de inclusão social”.

Comunicados:

Documentos:

Contato:

Texto: Site do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro